Praia do Bispo

Em sua orla o Arcebispado de Belém possuía uma casa de repouso que costumava ser utilizada para retiros religiosos. Na sequência os Maristas adquiriram a propriedade. Segundo alguns moradores da ilha, no passado, um bispo se apaixonou por uma bela mulher e por ela perdeu a cabeça. Hoje, em dias de lua cheia, quem passa por lá está sujeito a encontrar vagando um bispo sem cabeça. Ela está voltada para a baia do Marajó.

Fechar Menu